Simulado de Primeiros Socorros para Habilitação de Arrais Amador

1) Quando, por ocasião de um acidente a bordo, o acidentado não estiver respirando, devo proceder:
a) uma massagem cardíaca externa
b) uma respiração boca a boca
c) uma verificação nas meninas dos olhos
d) um aquecimento no corpo

2) Para se realizar a respiração boca a boca, eu devo proceder antes, que verificação?
a) se a vítima está com pulso fraco
b) se a vítima está com o coração batendo
c) se existem corpos estranhos na sua boca
d) se a vítima está com a menina dos olhos dilatada

3) Qual a freqüência de sopros por minuto, numa respiração boca a boca?
a) 10 a 15
b) 15 a 20
c) 20 a 30
d) mais de 30

4) Caso seja verificado que, após ter feito a respiração boca a boca, o coração da vitima ainda não está batendo, o procedimento correto será:
a) continuar a respiração até ela respirar sozinha
b) fazer massagem cardíaca externa
c) aquecer a vítima
d) esperar alguns segundos e verificar novamente

5) Caso o coração da vítima de um acidente a bordo, não esteja batendo, eu devo iniciar:
a) a respiração boca a boca
b) a massagem cardíaca externa
c) a traqueostomia
d) o aquecimento do corpo

6) Qual é o outro sintoma que acompanha a parada cardíaca?
a) palidez
b) abaixamento rápido da temperatura do corpo
c) menina dos olhos dilatada
d) ruborização da face

7) O que deve ser tentado no caso de parada cardíaca, e que às vezes funciona, de imediato?
a) respiração boca a boca
b) massagem nos punhos
c) aquecimento do corpo
d) murro forte no peito

8.) Após a massagem cardíaca ter feito o coração voltar a bater, o que deve ser feito é:
a) continuar a respiração boca a boca
b) continuar uma massagem com menos intensidade
c) aquecer a vitima imediatamente
d) dar alimentos e água a vitima

9) Qual a freqüência ideal de compressão e descompressão do peito, na massagem cardíaca externa?
a) 30 vezes por minuto
b) 60 vezes por minuto
c) 69 vezes por segundo
d) 69 vezes por minuto

10) Quando houver, ao mesmo tempo, parada respiratória e parada cardíaca, como se deve proceder?
a) realizar movimentos intercalados, 8 massagens cardíacas e uma respiração boca a boca
b) realizar movimentos intercalados, 1 massagem cardíaca e 8 respirações boca a boca
c) só realizar massagem cardíaca, após a vitima voltar a respirar
d) só realizar respiração boca a boca, após o coração da vítima voltar a bater

11) Na respiração boca a boca, eu sempre devo:
a) deitar a cabeça da vítima na posição lateral
b) deitar a cabeça da vitima na posição normal
c) deixar a cabeça da vitima voltada para trás
d) deitar a cabeça da vitima voltada para frente

12) No caso de fratura de antebraço, podemos imobiliza-lo com:
a) tábua, papelão ou jornal grosso
b) material flexível
c) material de borracha sintética
d) tiras de pano amarradas no pescoço

13) O nome do dispositivo utilizado para imobilizar ossos quebrados, por meio de tiras de pano amarradas a ele, é:
a) tala
b) material isolante
c) torniquete
d) tampão

14) Para imobilizar o braço, eu devo deixá-lo:
a) esticado
b) na posição que quebrou
c) dobrado
d) em qualquer posição

15) Para fratura na perna eu posso prender madeiras compridas, por meio de tiras de pano ou cintos, com a perna:
a) esticada
b) na posição que quebrou
c) dobrada
d) em qualquer posição

16) A posição do pé, de uma perna quebrada, deve ser:
a) inclinada
b) esticada
c) a mais natural possível
d) tanto faz

17) Caso exista risco de incêndio ou de explosão, em local próximo à vítima fraturada, eu deverei:
a) realizar a imobilização rapidamente e, logo após, removê-la do local
b) removê-la primeiro do local de risco
c) realizar a imobilização, independente do risco
d) dar combate ao risco primeiro, deixando a vítima esperando

18) A vítima de choque elétrico precisa:
a) ser atendida de imediato, com remoção do local para lugar arejado
b) ser afastada do local de risco, antes de aquecermos seu corpo
c) ser retirada do local, puxando-a do contato com a corrente elétrica
d) ser afastada do contato com a corrente elétrica, utilizando material não condutor de eletricidade

19) Qual dos materiais abaixo, eu não utilizaria, para afastar a vítima de contato com a corrente elétrica?
a) pedaço de madeira
b) peça de metal
c) pedaço de pneu
d) peça de porcelana

20) Após a retirada da vítima do contato com a corrente elétrica, caso seja necessário, o que deve ser feito?
a) aquecimento do seu corpo
b) dar água e deixá-la sem roupas, num local arejado
c) realizar respiração boca a boca e massagem cardíaca externa
d) lavar a vítima com água e cobrí-la com panos limpos

21) Nas pequenas queimaduras, devemos:
a) lavar com água e evitar romper a bolha
b) deixar secar e colocar panos limpos
c) furar as bolhas e desinfetá-las com álcool
d) cobrir com pano disponível

22) Antes de se cobrir as queimaduras, com pano limpo, devemos:
a) aplicar sobre elas pó de café ou açúcar
b) colocar manteiga ou banha
c) aplicar sobre elas álcool para desinfetar
d) passar mercúrio cromo ou mertiolate

23) Nas grandes queimaduras, nunca se deve:
a) tirar a roupa da vítima
b) dar líquidos (água, chã e sucos)
c) cobrir a vítima com panos ou cobertor
d) remover a vítima do local

24) O que vem a ser hemorragia?
a) grande perda de sangue
b) desmaio temporário
c) ruptura da pele
d) aparecimento de bolhas e manchas isoladas, na pele

25) Para estancarmos uma hemorragia, devemos:
a) preparar uma tala
b) cobrí-la com panos limpos
c) abaixar a parte do corpo ferida
d) pressionar o local com pano grosso

26) Para que é utilizado o torniquete?
a) imobilizar membros fraturados
b) estancar hemorragias muito grandes
c) estancar pequenas hemorragias
d) tratar pequenas queimaduras locais

27)Como aplicar o torniquete?
a) utilizando um pano largo e um pedaço de madeira que se fixará ao pano, por meio de um nó e torcendo a madeira, a pressão interromperá a hemorragia
b) utilizando um pano grande sobre pressão, no local da hemorragia
c) utilizando uma madeira amarrada no local, por tiras de grosso
d) utilizando qualquer material isolante, para ser aplicado, juntamente com uma pomada antiinflamatória

28) São cuidados importantes com o torniquete, exceto:
a) não cobrí-lo
b) apertá-lo sempre que a hemorragia não estancar
c) nunca desapertá-lo
d) não retirá-lo logo que a hemorragia cesse

29) São atitudes certas, com relação a vítima de grandes hemorragias:
a) não dar líquidos enquanto estiver inconsciente e mantê-la agasalhada
b) nunca desapertar o torniquete, enquanto a hemorragia estiver ocorrendo
c) verificar se ela respira e fazer massagem cardíaca externa
d) desapertar o torniquete, depois de 30 minutos e reapertá-lo, independente de ter parado a hemorragia

30) Os primeiros socorros são:
a) medidas preventivas de acidentes
b) medidas emergenciais de prestação de socorro, antes do encaminhamento médico
c) tratamentos médicos nas emergências de bordo
d) operações de emergência a vítimas, em acidentes de trânsito

Obs do Clube do Arrais: Os procedimentos aqui descritos não constituem um manual de Primeiros Socorros. O atendimento a pessoas acidentadas deve ser feito por indivíduos qualificados que tenham recebido instrução e orientação prática. O atendimento inadequado poderá agravar a situação da vítima, gerando riscos à sua vida.

 

Clique AQUI para ver o GABARITO.

RECEBA NOVIDADES EM SEU EMAIL

Não se preocupe. Não enviamos Spam!

  1. WILSON 14/04/2013 às 13:29

    Muito bommmmmmm

  2. Marcelo Ventura 22/08/2013 às 03:08

    Eu gostei muito das informações do clubedoarrais.

  3. VALFREDO 07/10/2013 às 16:30

    Algumas questões precisam ser atualizadas dentro do protocolo de atendimento pre-hospitalar.

    • clubedoarrais 07/10/2013 às 21:48

      Sr VALFREDO, obrigado pela observação. As questões publicadas foram elaboradas levando em consideração o conteúdo de provas aplicadas há bastante tempo, por isso realmente devem estar defasadas. Mas atualmente, como é obrigatório o certificado de embarque, entendemos que os candidatos, ao inscreverem-se em uma entidade náutica autorizada para a emissão do certificado, certamente recebem no “pacote” uma orientação teórica atualizada, não só sobre primeiros socorros, como para toda a matéria exigida. Se tiver sugestão de questões, podemos publicar. Att, clubedoarrais.com.

  4. EUDALIO 26/11/2013 às 19:46

    EU CONCORDO COM O VALFREDO, NA QUESTÃO 7 EU NUNCA DARIA UM MURRO FORTE DO PEITO DA VITIMA PARA VOLTAR A FREQUENCIA CARDIACA, E SIM FARIA A ANALISE PRIMARIA E SE FOSSE PRECISO INICIARIA A MASSAGEM CARDIACA

  5. clubedoarrais 02/12/2013 às 21:03

    Sr Eudalio, obrigado pela colaboração. Se desejar, pode sugerir a adaptação da alternativa. Bons ventos e mares tranquilos a todos.

  6. jucelio 30/05/2015 às 20:18

    gostaria de saber por quanto tempo pode se afrouxar um torniquete.

    • clubedoarrais 15/06/2015 às 19:39

      Sr Jucelio, O uso do garrote é uma técnica de primeiros socorros, mas é desaconselhada por diversos especialistas em favor de outras técnicas, uma vez que do seu mau uso pode decorrer necrose dos tecidos. Além disso, apenas pessoas que receberam treinamento específico é que estão habilitados a aplicá-lo. Se usado, o torniquete destina-se ao estancamento de hemorragias severas causadas por agentes traumáticos em membros inferiores e superiores, indicado em situações de amputação, avulsões e lacerações. Atualmente não há uma regra para afrouxar o torniquete, mas pode-se observar o seguinte: Afrouxe o elástico quando perceber que a hemorragia está diminuindo, ou se a parte do membro abaixo do garrote começar a inchar e ficar azulada. Reative o garrote e afrouxe-o periodicamente, até que o sangramento cesse ou que o socorro médico chegue. ATENÇÃO: AQUI ESTÃO LISTADAS DICAS DE CARÁTER GERAL. LEMBRE-SE QUE AÇÕES DE PRIMEIROS SOCORROS SÓ DEVEM SER TOMADAS POR PESSOAS TREINADAS. EM CASOS DE EMERGÊNCIA, ACIONE IMEDIATAMENTE O SOCORRO MÉDICO ADEQUADO. Leia mais no site: http://www.bombeirosemergencia.com.br/torniquete.html

Registrar Nova Conta
Reset Password
Comparar itens
  • Total (0)
Comparar
0